TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO

"Não consigo me controlar. Cada objeto a minha volta parece possuir bactérias que podem contrair doenças. Chego do trabalho e sempre tenho que apertar no alarme várias vezes para ter certeza que está fechado. Sempre devo seguir o ritual de estalar o dedo 5 vezes e trancar e destrancar a porta várias vezes também.Sempre foram apenas manias que jurava que iriam passar. Mas agora não consigo mais controlar. Não sei o que faço, porque parece que se não realizo esses rituais terei uma punição! Não aguento mais a discriminação de todos a minha volta que me olham como se eu fosse alguém ruim, estranho. Só gostaria de melhorar esse meu transtorno."


Inline image 1



O que é o TOC?
O Transtorno Obsessivo Compulsivo pode ser dividido em duas categorias: a da obsessão e a da compulsão. Quando se trata deobsessão, está se referindo a pensamentos repetitivos, como por exemplo quando tem-se uma música na cabeça e não consegue se livrar dela. Muitos podemos ficar com músicas na cabeça e com o tempo livrar-se facilmente disso. Porém, quando se trata de alguém que possui o transtorno da obsessão, não consegue eliminar esse pensamento de nenhuma maneira, gerando assim até um baixo rendimento da pessoa. Outro fato que seria um exemplo de obsessão, seria quando um religioso não consegue tirar imagens obscenas de sua mente. Esses pensamentos são gerados do nada e são praticamente impossíveis de se eliminar.
Agora, quando nos referimos a compulsão, estamos apontando a gestos repetitivos. Dentre eles podemos citar: pisar em folhas secas ( sempre deve pisar, se não pisar deve se recomeçar o trajeto), lavar a mão repetidas vezes, checar portas repetidamente, trancar e destrancar a porta, contar números, orar inúmeras vezes, entre outras. A função geral desses gestos é de amenizar a ansiedade pendente, tornando o dia do indivíduo "menos ruim". E geralmente, quando a pessoa não realiza esses rituais de acordo com o seu tempo cronológico, deve-se recomeçar tudo. As pessoas que possuem esse transtorno não são loucas de maneira alguma. Elas simplesmente tem essa obsessão incontrolável, porém tendo a noção do quão é exagerado.

E então, quais são os sintomas?

Geralmente, quando a pessoa possui esse transtorno, têm estes devidos sintomas:

Medo de contaminação constante (medo de encostar em maçanetas públicas, dividir canudos, etc);Mania de guardar coisas (nada explica essa mania, porém a pessoa simplesmente precisa guardar determinados objetos, como vidros de shampoo e outros. As vezes a casa desse indivíduo fica até de difícil acesso de tantos vidrinhos que estão ocupando o espaço, mas a pessoa simplesmente não consegue se livrar de nenhum deles.);Imaginar que estão realizando atos violentos (simplesmente do acaso, mas que atormentam a pessoa);




Inline image 2


Como a pessoa chega a adquirir esse transtorno?
Geralmente é adquirido quando se realizam muitos gestos que aumentem a ansiedade. Não se pode desconsiderar, também, a questão genética. Na maioria dos transtornos há alguém que o possui. Outra forma também é quando a pessoa realiza muitos gestos repetitivos. Ex: Um muçulmano sempre tem os mesmos rituais, e essa repetição pode ser uma forma de gerar o transtorno. (que seja claro que não estou tentando ofender nenhuma religião, e sim simplesmente citar um caso de repetição).

E há algum tratamento?

Claro que sim! Geralmente é tratado o problema num conjunto de diagnósticos e psicoterapia. É muito importante consultar primeiramente um bom psicólogo antes de ir direto ao tratamento de remédios como citado acima. É também muito importante ressaltar que quando a pessoa possui estes sintomas é de grande importância que se recorra o mais rápido possível há um profissional, pois quanto mais tempo levar para o tratamento, mais será desenvolvida a doença. Muitos ficam com medo de estar loucos ou medo da reação de quem está perto, da discriminação. Porém as pessoas a volta de quem possui esse distúrbio também devem incentivar a procura de um bom psicólogo e mostrar que não passa de um transtorno, que está longe de loucura. Ou seja, quem está a volta é de GRANDE importância auxiliar-los neste terrível problema de obsessão

CONHEÇA O INSTITUTO IKTUS
www.institutoiktus.org


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s